A Gravura

Gravura é a arte de registrar sobre a superfície plana de uma matriz uma imagem que pode ser reproduzida certo número de vezes. Friccionando-se papel próprio para impressão na matriz coberta de tinta, tem-se a transferência da imagem rebatida sobre o papel. Na xilogravura imprime-se a área não cavada da prancha de madeira, seu relevo. A gravura em metal preza a impressão dos sulcos gravados na matriz, sejam eles profundos ou superficiais. Na litografia não ocorre alteração do relevo da matriz, é um exemplar de gravura planográfica e seu princípio é a incompatibilidade entre água e gordura: grava-se quimicamente uma imagem criada com materiais gordurosos em uma matriz de pedra ou alumínio hidrófilos.

4 comentários:

  1. "Friccionando-se papel próprio para impressão na matriz coberta de tinta" (???) ou seria: "Friccionando-se (com algo) sobre papel próprio para impressão na matriz coberta de tinta"

    ResponderExcluir
  2. Antes de mais nada, gostaria de agradecer o carinho e a dedicação que você teve ao ler o texto de nosso blog. Por conseguinte, peço desculpas por ter pouca habilidade no uso e compreensão das palavras. Tentarei ser mais claro com relação a escrita que lhe causou dificuldade de entendimento, pois ao redigir esta nota não pretendi de antemão realizar um tratado sobre gravura e sim ilustrar as técnicas apresentadas da forma mais econômica possível. Seu comentário me leva a crer que você possui algum conhecimento sobre gravura em relevo ou técnicas de impressão, daí imaginava que pessoas que tivessem tais informações concluíssem automaticamente que a fricção seria realizada por material ou ferramental apropriado. Caso este parágrafo fosse lido por um leigo, pretendia apenas estimulá-lo a aprender mais sobre gravação e impressão artísticas. Ficaria ainda mais satisfeito se você trouxesse esse tipo de comentário acerca das outras técnicas descritas acima, visto que também há uma redução considerável nas etapas de realização da gravura em côncavo e da litografia.
    Por fim, sendo ou não gravador(a), conhecendo ou não matrizes de metal e pedra, o (a) convido a se tornar seguidor do blog, pois assim vai poder continuar acrescentando informações e comentários a cada nova postagem. Será muito bem vindo (a) a conhecer nossa Oficina e não se acanhe da próxima vez, fique à vontade para se identificar nos seus comentários: no nosso ambiente de trabalho temos o costume de ouvir e respeitar opiniões de todos, mesmo que sejam diferentes das nossas.
    O blog está em constante atualização e em breve acrescentaremos mais textos e imagens a esta página específica para que o entendimento sobre as técnicas de gravura se torne mais confortável e acessível a todos.
    Novamente agradeço o carinho e atenção. Saudações Impressas!

    ResponderExcluir
  3. Bom dia, moro em NIteroi e tenho interesse em conhecer a técnica de gravura em metal, gostaria de informações sobre os cursos, a duração, etc. obrigado

    ResponderExcluir
  4. OI Miguel
    Nosso atelier é livre e o professor fantástico. Venha nos visitar de quarta de 10 às 16h e sábado de de 9 às 13h. Será um prazer dividir com vc nossos conhecimentos. Abçs

    ResponderExcluir